quarta-feira, 17 de junho de 2009

num silêncio que morre

a cada lágrima que escorre

estou com medo do caminho

mas não estou querendo voltar.

2 comentários:

Vivo em Abundãncia disse...

Não te prantes sozinha
por mais que minhas mãos te espinhem
posso luvas usar
e mesmo se não me quiseres ao teu lado
deixa-me mesmo de longe
com lanternas
teu caminho iluminar.

Beijinhos!

Eliza Moreno disse...

ihhhh baixou o fernando pessoa. quem vai exorcisar?