quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

LUME


CAMINHOS TORTOS

ESTRADAS DESVIADAS

BARRACAS NAS CALÇADAS

DOCES NA MÃO DAQUELA CRIANÇA,

NÃO COMO PRESENTE

MAS COMO OFERTA

O SINAL ESTA FECHADO

PARA OS DOIS LADOS DA RUA,

OS OLHOS ESTÃO CERRADOS

PARA TODOS OS ÂNGULOS DA LUA

E NINGUÉM VÊ...

MUITAS IMAGENS

VENDE-SE

COMPRA-SE

TROCA-SE...PROCURA-SE

QUERIA QUE ESSAS PAREDES TAMBÉM FOSSEM AZUL

O CÉU É GRANDE DEMAIS,

EU SEI,

MAS AINDA PARECE ALCANSÁVEL

PARA ALGUNS A NOITE ESTA CHEGANDO

PARA OUTROS APENAS ESCURECE,

HOJE NÃO DÁ PRA FAZER LUME,

O MÁXIMO QUE SE FAZ É PRECE.

Um comentário:

Só o amor e a fé me explicam disse...

ALCASÁVEL TROCAR POR ALCANSÁVEL

todas as poesias estão muto lindas... fico sempre muito orgulhoso e tocado... sucesso sempre! Bjinhos