quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Se me encieran en una categoria
haré lo possible para desmarcarme.
Lo que me da miedo en la vida
es quedar prisionera de un persnaje.
Mi peor pesadilla es ter una definición.
Estoy impregnada de tantas cosas,
no me gustaria escuchar que soy sólo una de ellas.
no me tomo particularmente en serio,pero a mi carrera si.
Um artista no supera a las obras.
Hay que ser humilde respecto a la ceación.
Así que me dejo guiar por mis emociones.
Tengo mucha suerte y soy conciente, pero mi trabajo es lo que define vida.
Así que sigo adelante''

Um comentário:

Rafael disse...

Penso, mas só quando não tenho mais razão
e tremo
Porque não tenho dúvida da minha imensa paixão

Sê exagero, sê deliro, desculpe, não contenho a tormenta e a fúria que me invandem a alma e me tomam o coração.

"Fica mais um pouco que ainda é dia, lá fora quem canta é a coruja, não a cotovia"

Com Amor para minha Viola.